Desaparecido, Morte Presumida!

Posted by Rune Tephix On 20:24 13 comentários


Início: fale com o Irmão Samuel próximo do templo de Paterdomus, a nordeste de Varrock.

Só membros? Sim.

Dificuldade: fácil.

Duração: média.

Requisitos: Nenhum, no entanto as missões O Despertar do Mundo, Ritual do Mahjarrat, A comandante escolhida, o ajudante de Icthlarin e mini missão Distúrbio de Koschei desbloqueiam recompensas e diálogos extras.

Itens necessários: nenhum.

Recomendações: equipamento para combate, capuz dumal, 12 espaços vazios na bolsa.

Inimigos para Derrotar: várias Entidades (de nível 10 cada).

Inicie a missão falando com o Irmão Samuel próximo da passagem para o Estranho Ancião, a oeste de Paterdomus e nordeste de Varrock. Tente acalmá-lo e receberás um caderno de investigação ao concordar em ajudá-lo.

Investigue os três monges abatidos, selecionando todas as opções. Também investigue a flecha fincada na árvore e a planta a leste do irmão Samuel (para encontrar um anel). Escute a alma aprisionada do monge sudoeste e investigue as plantações próximas.

Uma vez que tiver encontrado todas as pistas (aparecerá uma mensagem confirmando), fale com o Irmão Samuel e depois interrogue o Estranho Ancião, subindo pela colina ao norte (onde há um símbolo de picareta no mini-mapa). Use a opção de persuadir três vezes, e na última ameace-o.

Volte a falar com Irmão Samuel. Em seguida, siga os cristais no chão para o leste e investigue a elfa morta para encontrar mais pistas (lembre-se de escutar a alma presa dela). Também investigue a planta para obter um colar, assim como a roupa presa na cerca e o banco próximo do templo (para encontrar uma carta).

Converse com Blaze Sharpeye a oeste da elfa morta (ele se encontra próximo do braseiro, ponto da missão Cheio de Gás). Ameace-o duas vezes, depois o persuada para obter informações extras. Com isso, volte a falar com o Irmão Samuel.

Siga para a Torre dos Magos ao sul de Draynor (use o capuz dumal se preferir) e fale com a maga Valina no andar térreo da torre, logo na entrada. Mostre as pistas para ela e depois faça todas as perguntas pertinentes. Quando for dada a opção, acuse-a de estar "encobrindo algo" para uma explicação mais detalhada.

Volte a falar com o irmão Samuel e conte-lhe tudo que descobriu (a sua resposta sobre o culpado pode ser qualquer uma das opções). Icthalarin irá aparecer em um corte de cena e alguns mortos-vivos, nomeados de Entidades, irão atacar. Derrote-os (são de nível 10 cada).

Depois de derrotar os zumbis, você vai encontrar uma caixa misteriosa solta por um deles. Sliske, o assassino, convocará Icthlarin para sua ascensão. Apesar de não concordar, Icthlarin decide - com a sua ajuda - ir até a Cidadela resgatar o Ceifador. Teleporte para a Cidadela Imperyal através da caixa-convite.

Ao chegar à cidadela, você vai se deparar com os representantes de cada deus presente, do lado de fora das portas vigiadas pelos irmãos das Catacumbas. Fale com cada um deles para saber mais (opcional), incluindo Zilyana e Ilfeen, contando a verdade para elas. Quando estiver pronto para continuar, fale com Icthlarin.

Prossiga para o oeste e passe pela porta destrancada, depois, olhe pela janela ao norte para desencadear um corte de cena onde Saradomin, Zamorak, Bandos e Armadyl discutem entre si. Quanto a Zaros, que ainda não chegou a Guilenor, marca sua presença por uma névoa roxa flutuante.

Uma vez que o corte de cena tiver finalizado, caminhe pela rota ao redor dos engradados e saia pela janela sul. Salte pelo fosso, ande sobre as tábuas, desça pelo penhasco, escale as rochas e chegarás na janela ocidental da sala. Passe pelo obstáculo e siga para a porta norte, ignorando o jardim na sacada.

Entra na sala norte para iniciar as três ondas contra as Entidades (de nível 10 cada). Na primeira onda haverá apenas uma entidade, puxe a alavanca da parede sul para criar um ponto de luz na sala. Leve a entidade até o ponto de luz para torná-la vulnerável, e mate-a em seguida.

Na segunda onda você terá de enfrentar duas entidades arqueiras que não saem do lugar. Assim, puxe as outras duas alavancas nas paredes da sala para liberar focos de luz sobre as duas entidades, tornando-as vulneráveis.

Para a terceira e última onda surgirão 4 entidades de infantaria. Leve-as para um ponto de luz a sua escolha e mate-as utilizando os recursos de combate (principalmente os que atingem multi alvos). Depois de derrotá-las, vá até a janela para ver outro corte de cena.

Saia pela porta ao norte quando o corte de cena tiver terminado, depois percorra o caminho e entre na porta leste. Nesta sala você notará um painel com duas máscaras de diferentes cores e alguns refletores de luz. Clique no painel para mudar a visão da sala.

Basta clicar no refletor que desejar para que ele mude de posição, alterando a projeção da sombra no chão. Assim sendo, clique uma vez no refletor inferior esquerdo, duas vezes no do canto superior esquerdo, três vezes no do canto superior direito e uma vez no do canto inferior direito.

Ao formar a sombra correta, olhe pela janela da sala para desencadear outro corte de cena, em que Sliske se apresenta aos deuses. Depois, saia pela porta leste e entre na sala sul, seguindo o caminho existente. Tente abrir qualquer arca da sala e depois fale com a estátua do Ceifador.

O enigma dessa sala funciona da seguinte maneira: a máscara da estátua lhe apresentará uma pergunta misteriosa, para responder, abra a primeira arca e selecione o material correto. Então ela lhe fará mais duas perguntas, cujo as respostas são os materiais da segunda arca. Ao pegar o material adequado, leve-o ao pedestal do lado da estátua para solucionar a questão.

Primeiro desafio: eu posso construir castelos, que derretem com a chuva, mas eu as gotejo, como a fuga em segundos. Solução: Areia. Para isso, selecione a "areia" na primeira arca, em seguida, use-a no pedestal do lado da estátua e confirme sua resposta.

Segundo desafio: eu posso cair do céu, mas não posso subir mais alto, eu salto sem pernas, eu corro, mas não me canso. Solução: Água. Para isso, selecione a "água" na segunda arca, em seguida, use-a no pedestal do lado da estátua e confirme sua resposta.

Terceiro desafio: vidro não pode me criar, mas pedra e ferro podem, eu sou feita pelo sol, mas fora de seu ponto de vista, eu posso ser pequena, como também imensa, na forma do meu criador, como um feitiço eu sou lançada. Solução: Sombra. Para isso, selecione a "sombra" na segunda arca, em seguida, use-a no pedestal ao lado da estátua e confirme a sua resposta.

Depois de resolver o último enigma, você receberá um convite para a ascensão de Sliske. Vá até a janela para ver Sliske trazer o Ceifador e o Dragonkin Strisath. Saia pela porta sul e salte do telhado. Você voltará ao ponto inicial da cidadela, fale com um dos irmãos das Catacumbas para entrar na ala antes restrita.

A partir de agora, ocorrerá um corte de cena muito importante, em que Sliske anuncia o desafio pela pedra de Jas, que será concedida ao deus sobrevivente da nova guerra que ele pretende iniciar. Use as opções de diálogo que preferir durante essa parte.

Após apresentar a proposta, Sliske lhe entregará a chave para a cela do Ceifador, libertando o Dragonkin e teleportando em seguida. Furioso, o Dragonkin começará a cuspir bolas de fogo, e os deuses começarão a teleportar. Icthlarin fará um escudo protetor temporário.

Agora você terá de libertar o Ceifador, tomando cuidado para não ser atingido pelo fogo do Dragonkin; para isso, você terá de ser rápido para que a energia do escudo de Icthlarin não acabe. Dessa forma, siga pelo caminho oeste, apagando o fogo que tiver essa opção. Caso você seja atingido, terás de refazer o percurso sem penalidades.

Liberte o Ceifador da cela com o uso da chave e depois corra de volta até Icthlarin e fale com ele para assistir o último corte de cena da missão, em que a Morte leva a todos para um local seguro, no ponto inicial da missão. Fale com o Irmão Samuel para finalizar a missão. Parabéns.

Recompensas: 2 pontos de missão, lâmpada de 1.500 de exp em Combate, de 1.000 de exp em Agilidade, de 500 exp em Oração, máscara de Sliske (da luz ou da sombra), livro do submundo, caixa-convite (que teleporta para a cidadela), dois giros extras na Roleta Maluca. Recompensas adicionais: fale com a estátua no centro da cidadela Imperyal para receber 50.000 de exp em Roubo (nível 75 necessário), 50.000 de exp em Condição Física (nível 75 necessário), uma lâmpada de 50.000 de exp (em habilidades com nível acima de 75), 30 amuletos das Catacumbas (use no sarcófago de um dos irmãos para matá-lo antes que este apareça; só três podem ser usados por vez), duas novas animações (que aparecem em caso de morte).

Galeria de Imagens






















Categories:

13 Response for the "Desaparecido, Morte Presumida!"

  1. Anônimo says:

    Ótimo Guia! Obrigada

  2. A voz do ceifador da tesão *-*

  3. Uma das missões mais loucas do Rune!!!!!!!!

  4. Lucas says:

    existe um deus repolho véio.... um deus REPOLHO!!!! RS sem base kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  5. Anônimo says:

    o deus repolho é Brassica Prime

  6. Anônimo says:

    Parabéns

  7. como que pego os itens de niveis mais altos, fis a missao sem os niveis pros premios adicionais, como pego eles aggora?

  8. Anônimo says:

    Adorei essa missão. A mais legal que já joguei!

  9. ISAIAS says:

    ela tem continuação?

  10. É muito triste fazer essa missão, pois tem spoiler do jogo inteiro praticamente, a aparencia dos mahjarrat após o rejuvenescimento e etc... :v

  11. por isso é bom completar as outras antes, pra ser uma continuação delas ao invez de um spoiler

  12. A voz do armadyl eh muito boa

  13. ayon says:

    como ganha as lampadas grandes?

Postar um comentário